Setor de Mangá, a novidade da Biblioteca do Bunkyo

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

01Os aficionados do mangá, em língua japonesa, agora contam com um setor especial com a incorporação de uma doação feita recentemente por Tetsuhito Amano.

O anúncio foi feito pela presidente da Comissão de Biblioteca e Filmes, Madoka Hayashi, em entrevista coletiva realizada no último dia 9, ocasião em que esteve acompanhada pelo presidente da entidade Kihatiro Kita e por Hiroshi Komori, vice-presidente da Comissão.

04Essa doação foi decorrência de uma sugestão feita pelo cônsul Motohiro Hoshino, admirador de mangá, relatou o presidente Kita. “Ao visitar a biblioteca existente na Colônia Pinhal, constatou que havia uma grande quantidade de mangás encaixotados e, em conversa com seu mantenedor, Tetsuhito Amano, ele lamentou esse fato sugerindo que essas publicações fossem colocadas ao alcance dos leitores”, disse Kita, destacando que “esse fato foi trazido ao Bunkyo pelo cônsul Hoshino e, em contato com Amano, prontamente o pedido de doação foi aceito”.

02De acordo com a presidente Hayashi, inicialmente tinha sido acordada a doação de 2 mil exemplares, mas acabou resultando em cerca de 3.500 mangás. “Assim, atualmente, na biblioteca do Bunkyo, colocamos à disposição somente uma parte por falta de espaço”, afirma, completando que “com o término das obras do Espaço Cultural Bunkyo, no antigo local onde funcionava o Enkyo, no subsolo, está sendo planejado montar um setor para uma Biblioteca de Mangá. Esperamos não somente colocar os mangás já recebidos, como também buscar outras doações”.

03Os três representantes do Bunkyo foram unânimes ao destacar que esses esforços para montar um setor especializado em mangás têm como finalidade atender às necessidades dos aficionados, principalmente das novas gerações. “Sabemos que tem muitos jovens que estão frequentando as escolas de língua japonesa desejando aprofundar seu entendimento com os mangás e animês”, argumentou o presidente Kita.

“Tenho notícias de que no México essas bibliotecas têm tido grande sucesso para reunir as novas gerações”, destaca a presidente Hayashi, acreditando que essa possa ser a alternativa para trazer o reforço das novas gerações ao Bunkyo.

Biblioteca do Bunkyo
Local: Rua São Joaquim, 381 – 2º andar do prédio anexo – Liberdade – São Paulo-SP
Horário de funcionamento:
De segunda a sexta-feira, das 9h às 17:30h
Sábado, das 9h às 13h
Informações: (11) 3208-1755 (ramal 128)

Confira o calendário de eventos completo