Recital de Canto no 76º Concerto Bunkyo aos Domingos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

76 concertoNo dia 20 de março, às 11h, o Pequeno Auditório do Bunkyo recebe o barítono Charles Miyazaki para um Recital de Canto. Acompanhado ao piano por Sin Ae Lee, os músicos apresentarão obras de compositores nacionais e outros mestres como Mozart e Verdi.

No dia, a Comissão de Música do Bunkyo, organizadora do evento, estará recebendo doações de alimentos não perecíveis que serão destinados ao Kodomo-no-Sono (entidade voltada à assistência e amparo às pessoas com necessidades especiais).

PROGRAMA

Piano solo

Festa no sertão – Villa Lobos

Canto e Piano

Azulão – Jayme Ovalle
(letra Manuel Bandeira)

Acalanto da Rosa – Claudio Santoro
(letra Vinícius de Moraes)

Jogashima no Ame – Yanada Tadashi
(letra Kitahara Hakushu)

Poème d’un jour – Gabriel Faurè
(letras Charles Grandmougin)
1.1 Rencontre
1.2 Tojours
1.3 Adieu

Piano solo
Sakura – Abe Sakari

Canto e Piano

In solitaria stanza – Giuseppe Verdi
(letra Jacopo Vittorelli)

Torna a Surriento – Ernesto De Curtis
(letra Giambattista De Curtis)

Piano solo

Intermezzo
Cavalleria Rusticana – Pietro Mascagni

Canto e Piano

Vedrò mentr’io sospiro
Le nozze di Figaro – Wolfgang A. Mozart
(letra – Lorenzo da Ponte)

O du, mein holder Abendstern
Tannhäuser – Richard Wagner
(letra Richard Wagner)

Avant de quitter ces lieux
Faust – Charles Gounod
(letra Jules Barbier)

 

76º Concerto Bunkyo aos Domingos
Recital de Canto (barítono Charles Miyazaki / pianista Sin Ae Lee)
Data/hora: 20 de março, às 11h
Local: Pequeno Auditório do Bunkyo
Rua São Joaquim, 381 – prédio anexo, 3º andar – Liberdade – São Paulo – SP
(próx. à Estação São Joaquim do Metrô)
Estacionamento terceirizado: Rua Galvão Bueno, 540
Informações: (11) 3208-1755
Entrada Franca – colabore doando alimentos não perecíveis

 

Charles Miyazaki

Barítono, participou durante seis anos do Madrigal Coros Angélicos, grupo coral com mais de 50 anos de existência, sendo solista em diversas apresentações com repertório bastante variado, sob a regência de Hildalea Gaidzakian. Também foi monitor de naipe e solista do Coral da Cidade de São Paulo sob a regência do maestro Luciano Camargo e orientação de Francisco Campos Neto.
Em 2010, apresentou-se como Colas da ópera Bastien und Bastiene, de W. A. Mozart, em conjunto com o pianista Joaquim Paulo do Espírito Santo e coordenação de Hildalea Gaidzakian no auditório Lúcia Lambertini, São Paulo.
Em 2012, apresentou-se junto a Bachiana Filarmônica SESI com o maestro João Carlos Martins, executando Lieder, de Robert Schumann, na Sala São Paulo.
Em 2013, sob regência da maestrina Mônica Giardini e Orquestra Jovem do Estado de São Paulo, como “Luduud” da ópera Treemonisha de Scott Joplin na Sala São Paulo. Apresentou-se ainda no Teatro São Pedro executando árias de W. A. Mozart e repertório de câmara sob a regência do saudoso maestro Raphael Casalânguida que orientou, regeu, acompanhou e auxiliou a carreira de muitos cantores e cantoras.
Em 2014, apresentou-se com a Orquestra de Câmara do Colégio Visconde de Porto Seguro sob regência de Gretchen Miller, da cantata de J. S. Bach opus 32. Particiou ainda do Coral Teatro São Pedro sob regência dos maestros Roberto Duarte e Emiliano Patarra, na cidade de São Paulo.
Acaba de participar como solista em peças de câmara de M. Ravel e C. Debussy na temporada 2015, sob a coordenação do maestro Fernando Malheiro e coordenação e participação do maestro André Santos.
Continua desenvolvendo trabalho de música de câmara e de concerto pelos teatros paulistas.

Sin Ae Lee

Natural de Seul, Coreia do Sul, a pianista Sin Ae Lee iniciou seus estudos aos cinco anos de idade. Aos sete, conquistou o primeiro lugar no Concurso Infanto-Juvenil Jo-Shun. Aos dezoito, mudou-se para o Brasil, iniciando sua orientação com Margarida Fukuda. Formou-se bacharel em Música Erudita (piano), pela Faculdade Santa Marcelina, na classe de Maria José Carrasqueira, com quem estuda até hoje.
Entre 1997 e 1999 foi bolsista do Jornal Jo-Sun. Em 1999 participou como pianista preparadora e cravista convidada na ópera La Serva Padrona (G.B. Pergolesi), com o Núcleo de Ópera da FASM (atual Grupo Ópera de Risco), apresentando-se em São Paulo e no I Festival de Música de Fortaleza (CE). Em 2000, foi premiada no XVIII Concurso Nacional Cidade de Araçatuba e no II Concurso Nacional de Piano de São Caetano do Sul.
Participou de cursos e masterclasses dirigidas pelos professores Mario Videla (Argentina), Alexandra Mascolo-David (Portugal-EUA), Fabio Luz (Brasil-Itália) e Caio Pagano (Brasil-EUA). Em 2002, foi solista do Concerto K. 414, de W.A. Mozart, com a orquestra de Câmara L’Estro Armonico, sob a regência do maestro Emiliano Patarra. Como solista e camerista, apresentou-se em diversas cidades brasileiras, dentre elas Jundiaí nos concertos O Mundo em Canções, realizado no Teatro Polytheama, como pianista convidada, e Settembre in Concerto, na Sala Glória Rocha, com o Grupo ÓperArte, Patos de Minas, e no projeto Terra sem sombra, João Pessoa (UFPB), Natal (UFRN), Pelotas, Santa Maria e Santa Cruz do Sul.
Atuou como pianista acompanhadora do masterclass de Luiz Tenaglia e pianista convidada do coro infantil-juvenil da OSESP, Coral “a Tempo” (regente Walter Chamun), Coral Collegium Musicum (regente Nibaldo Araneda) e Coral Livre da Cidade de São Paulo – fundação Theatro Municipal de São Paulo (regente Heloísa Junqueira). Apresentou-se como recitalista na série Música no MASP, Música no SESI e Música no MUBE (Museu Brasileiro da Escultura), em São Paulo, série exclusivamente dedicada a recitais solo de piano, além do Teatro São Pedro de Porto Alegre (RS). Atualmente, desenvolve uma promissora carreira realizando recitais em reconhecidas séries da capital paulista e interior e demais cidades do Brasil como solista e também como pianista do Grupo ÓperArte.

Confira o calendário de eventos completo