Pavilhão Japonês – 60 Anos, as atrações da programação especial

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

pavilhaoProssegue, até o final de setembro, a programação especial comemorativa aos 60 anos do Pavilhão Japonês no Parque Ibirapuera.

A exposição de cerâmica “Caminhos e Encontros” montada no jardim do Pavilhão, segue aberta para visitação. Organizada por Kenjiro Ikoma, Olga Ishida e Eliana Kanki, reúne obras de 29 ceramistas (mestres e convidados) e realiza-se em parceria com o Hospital Santa Cruz, que comemora 75 anos de fundação.

Neste mês, também poderá ser visitada a Exposição de Kimono e arranjos de Ikebana, além do lago das carpas, exposição de arte japonesa e a tradicional arquitetura japonesa no Pavilhão.

Dia 13, oficina de cerâmica e música

O sábado começa com a oficina da ceramista Hideko Honma, em torno elétrico, para crianças e adultos. As atividades serão realizadas em dois períodos: das 10h às 12h e das 13h às 15h.

Ainda vai dar tempo de assistir, às 15h, ao concerto de koto, shakuhachi e shamisen dos grupos Miwakai Soukyou Seiguensa do Brasil e Shinzankai Tozanryu Shakuhachi do Brasil.

Dia 14, concerto de música

No domingo, a partir das 11h, os grupos Miwakai Soukyou Seiguensa do Brasil e Shinzankai Tozanryu Shakuhachi do Brasil fazem uma nova apresentação de música ao público. O salão principal do Pavilhão Japonês fica ao lado do lago de carpas e os visitantes vão poder desfrutar da calmaria do local, embalados pela música japonesa.

Dia 20, cerimônia de chá e música

No sábado, dia 20, uma programação especial reúne a demonstração de chá e concerto de violão solo.

A partir das 11h, prosseguindo até às 15h, os professores e praticantes do Centro de Chado Uransenke do Brasil, estarão fazendo a Demonstração de Cerimônia de Chá no chashitsu (sala de cerimônia de chá) do Pavilhão.

Há 60 anos, na inauguração do Pavilhão Japonês, foi realizada, oficialmente, a primeira cerimônia de chá no Brasil. Na ocasião, o evento foi conduzido pelo atual 15º Grão-Mestre da Escola Urasenke, Daisosho Sen Genshitsu.

Assim, juntamente com o Pavilhão, a Escola Urasenke também comemora 60 anos de presença na América Latina.

No último dia 29 de agosto, o 15º Grão-Mestre esteve na cerimônia comemorativa no Pavilhão e, saudoso, visitou o chashitsu elogiando o estado de conservação do local, mesmo passados os 60 anos.

O Centro de Chado Urasenke do Brasil, como parte das comemorações, realiza a Demonstração de Cerimônia de Chá, a partir das 11h até às 15h, com a participação do público em geral.

Depois da cerimônia de chá, nesse mesmo salão, a partir das 15h, está programada a apresentação do violonista Camilo Carrara que tem em seu repertório vários arranjos de músicas japonesas.

Dia 21, música tradicional e oficina de ikebana

No domingo, dia 21, o concerto de música começa às 11h, com a apresentação de shakuhachi (flauta de bambu) reunindo praticantes dos estilos kinko e tozan. Trata-se de uma rara oportunidade para conferir as características técnicas e sonoras de cada escola.

Também, no domingo, dia 21, a partir das 15h, outro concerto imperdível – o encontro musical de Shen Ribeiro tocando flauta e Soledad Yaya na harpa.

Ainda, no domingo, dia 21, a partir das 14h, está programada a Oficina de Ikebana. Serão oferecidos gratuitamente os vasos e as flores aos participantes para montar seus arranjos com a orientação de uma professora de ikebana.

Dia 27, oficina de cerâmica e concerto de música

No sábado, dia 27, as atividades no Pavilhão começam logo de manhã – o ceramista Kenjiro Ikoma dá início à Oficina de Bonecas e Animais voltado às crianças (a partir de 5 anos) e adultos.

Na parte da manhã, a oficina de cerâmica será realizada das 10h às 12h e na parte da tarde, das 13h às 15h.

Já na parte musical, tanto no sábado (dia 27) como no domingo (dia 28), o público poderá conferir a apresentação do Grupo Seiha do Brasil que reúne praticantes de koto (semelhante a uma grande cítara) sob a orientação da mestre Tamie Kitahara. No sábado, a apresentação será às 15h e no domingo, às 11h.

Dia 28, exposição de cerâmica e oficina de ikebana

No domingo, dia 28, será a ultima chance para visitar a exposição de cerâmica “Caminhos e Encontros”, as exposições de Kimono e de Ikebana.

Além disso, no mesmo dia 28, às 11h, poderá assistir ao concerto do Grupo Seiha do Brasil, com a audição de koto, sob a coordenação da mestre Tamie Kitahara.

Pavilhão Japonês
Parque Ibirapuera – entrada pelo portão 10 – (próximo ao Planetário e ao Museu Afro Brasil)
Funcionamento: quarta-feira, sábado, domingo e feriados
Horário: das 10h às 12h e das 13h às 17h
Informações: (11) 5081-7296 ou (11) 3208-1755
www.bunkyo.org.br – e-mail: patrimonio@bunkyo.org.br

Contribuição: R$ 7,00 (adulto) / R$ 3,50 (estudante com carteirinha)
Crianças de 5 a 11 anos: R$ 3,50
Menores de 5 anos e idosos acima de 65 anos: entrada gratuita

 

Logo Pavilhao 60 anos OK

realizacao

Confira o calendário de eventos completo