Faça parte do REDOME: doe medula óssea e salve vidas

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

medula osseaAs chances de se encontrar alguém compatível para doação de medula óssea é de 1 PESSOA EM CADA 100 MIL. No caso de descendentes de japoneses estas chances aumentam se procurarmos entre pessoas mestiças.

Como temos recebido pedidos de famílias que têm entes queridos diagnosticados com alguns tipos de doenças que afetam as células do sangue e podem ser tratadas com a doação de medula óssea, estamos incentivando o cadastramento da comunidade nipo-brasileira e toda a sociedade brasileira no REDOME – Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea.

Todo mundo pode ajudar!
Para isso é preciso ter entre 18 e 55 anos de idade e gozar de boa saúde.

O candidato a doador deverá procurar o hemocentro mais próximo de sua casa, onde será agendada uma entrevista para esclarecer dúvidas a respeito das doações e, em seguida, será feita a coleta de uma amostra de sangue (de 5 a 10ml) para a tipagem de HLA (características genéticas importantes para a seleção de um doador).

Os dados do doador são inseridos no cadastro do REDOME e sempre que surgir um novo paciente, a compatibilidade será verificada. Uma vez confirmada, o doador será consultado para decidir quanto à doação.

Como o cadastro é nacional, sua participação aumenta as chances de todos os pacientes!

O transplante de medula óssea é um procedimento seguro, realizado em ambiente cirúrgico, feito sob anestesia geral, e requer internação de, no mínimo, 24 horas.

Mais informações:

Ameo – Associação da Medula Óssea
http://ameo.org.br/doacao-de-medula-ossea/doador-de-medula-ossea

INCA – Instituto Nacional de Câncer
http://www1.inca.gov.br/conteudo_view.asp?ID=677
http://www.inca.gov.br/conteudo_view.asp?ID=64

Confira o calendário de eventos completo