Políticos nikkeis: homenagens e confraternização

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

01-todosCerca de 120 pessoas estiveram reunidas na noite de sexta-feira, dia 24 de março, no Salão Nobre do Bunkyo para a cerimônia de Homenagem aos Políticos Nikkeis eleitos em 2016. O evento foi prestigiado por cerca de 120 pessoas, entre elas, 35 políticos (4 prefeitos, 5 vice-prefeitos e 26 vereadores) dos 136 nikkeis eleitos.

02-todosAlém dos homenageados e seus acompanhantes, a homenagem contou com a presença da vice-cônsul-geral adjunta Hitomi Sekiguchi, deputada federal Keiko Ota, deputado estadual Jooji Hato e os representantes das 34 entidades parceiras.

Após a saudação de Harumi Arashiro Goya, presidente do Bunkyo, em nome das entidades organizadoras e da vice-cônsul-geral Hitomi Seguchi, iniciou-se a cerimônia de entrega do diploma de Honra ao Mérito aos homenageados.

Para a prefeita de Andradina Tamiko Inoue e os vereadores Márcio Makoto Izumi e Geraldo Shiomi Júnior, os 630 quilômetros de distância não foram obstáculo! Andradina está localizada na região noroeste paulista, próximo da divisa com Mato Grosso do Sul.

03-harumiPerto dali, o vice-prefeito Paulo Massanori Yamamoto da cidade de Pereira Barreto, distante 635 km de São Paulo, também fez questão de prestigiar o evento.

Outro prefeito do noroeste paulista, da cidade de Guaraçaí, Nelson Tanaka viajou 605 km para receber pessoalmente o seu diploma de Honra ao Mérito.

Da mesma região esteve ainda o vereador Akio Matsuura, de Lins (429 km de São Paulo). E, da margem direita do Rio Tietê, tivemos a presença do prefeito Toshio Toyota da cidade de Novo Horizonte (413 km).

04-consul hitomiDa região de Sorocabana, destaque para o vice-prefeito Douglas Kato Pauluzi, cadeirante, que viajou 550 quilômetros de Presidente Prudente para participar do evento.

Em direção ao norte do Estado de São Paulo, na região Mogiana, contamos com a presença dos vereadores Júlio Koojiro Ebisawa de Guatapará (331 km) e Jéferson Yashuda de Araraquara (288 km).

Seguindo em direção à divisa do Estado de Minas Gerais, às margens do Rio Grande, da cidade de Colômbia (482 km) tivemos a presença dos vereadores Adelmo Nozaki e Lucia Cristina Povoa Nozaki e da cidade de Igarapava (459 km) o vereador Hiroji Okano.

Da região sudoeste paulista, contamos com a presença da vereadora Ines Sati Okuyama Kawamoto da cidade de Registro (189 km). De Pilar do Sul (142 km) vieram os vereadores Jorge Takashi Iriyama e Karla Tashiane Nishi Padula Pagianotto. De Mairinque (75 km), contamos com o prestígio do vereador Kiyoshi Hirakawa. Ainda, na região sudoeste paulista, esteve na homenagem o vereador Celso Caiubi A. Camargo Kubo, da cidade de Buri.

07-homenageadosNa região próxima a Campinas, registramos as presenças do vereador Jorge Setoguchi de Mogi Mirim (156 km), do vereador Célio Massao Kanesaki de Indaiatuba (107 km), do vereador José Ricardo Kiota de Pinhalzinho (115km) e do vereador Hiroshi Bando de Itatiba (87 km). De Mairiporã (35 km), contamos com a honrosa presença do prefeito Antonio Shigueyuki Aiacyda e do vice-prefeito Eduardo Dyotaro Yokomizo.

A cidade de Mogi das Cruzes foi representada por seu vice-prefeito Juliano Jun Abe e pelos vereadores Pedro Hideki Komura e Claudio Yukio Miyake. Também participou da homenagem o vice-prefeito de Biritiba-Mirim, Walter Hideki Tajiri, e o vereador de Salesópolis, Nilson Satolu Imamura.

Destacamos ainda os vereadores Hiroyuki Minami de São Bernardo do Campo e Magno Eiji Mori de Santana do Parnaíba.

Os quatro vereadores de cidade de São Paulo prestigiaram a homenagem: Aurélio Nomura, George Vatutin Hato, Rodrigo Hayashi Goulart e Masataka Ota.

Saudação durante o evento

34-igarapava Hiroji Okano“Falamos aqui do legado deixado por nossos pioneiros, caracterizado pelo árduo trabalho, honradez, lealdade e outros adjetivos que consolidam a imagem positiva dos nipo-brasileiros, e que tem sido mantido nesses 110 anos de presença neste país”, destacou a presidente Harumi Arashiro Goya em sua saudação representando as entidades organizadoras.

“Certamente que, dentro dessa busca pela integração na sociedade brasileira, a participação política tem sido uma das mais desafiadoras aos nipo-brasileiros por inúmeras razões”, continua a presidente, ressaltando: “portanto, quando nos reunimos para homenagear os prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nikkeis do Estado de São Paulo, queremos destacar e celebrar esses feitos conquistados por meio do voto popular”.

A expectativa é de que “esse reconhecimento se reverta em estímulo à participação das novas gerações a este relevante canal de participação na vida social do país”. E torcer para que “em menos tempo possível, os nikkeis também estejam ocupando uma cadeira no Senado e, por que não, a Presidência da República”.

“Em nome do meu governo, desejamos parabenizar os políticos eleitos”, afirmou a vice-cônsul-geral Hitomi Sekiguchi, destacando que o papel de cada um dos homenageados como protagonista de “uma nova página na história de sua cidade, em consequência para o desenvolvimento do Estado e do Brasil”.

Referiu-se ao lema “Todos Juntos” proposto pelo primeiro-ministro Shinzo Abe durante visita ao Brasil de “juntos estreitar os laços do Japão com a América do Sul, Central e com a comunidade nikkei e, nesse sentido, a de São Paulo é uma referência”.

Para a saudação em nome dos homenageados foi escolhido o mais velho deles, e a incumbência ficou com o vereador Hiroji Okano, 84 anos, da cidade de Igarapava, localizada na divisa de Minas Gerais.

“Justo eu que não gosto de falar em público”, comentou bem-humorado, lembrando que nem durante a campanha subiu ao palanque: tão somente distribuiu alguns “santinhos” para os amigos. Candidato do PMB (Partido da Mulher Brasileira), disputou as 11 vagas da Câmara Municipal de Igarapava com 99 candidatos. Totalizou 806 votos, sendo o terceiro mais bem votado da cidade (que tem 30 mil habitantes).

Aos 84 anos de idade, natural de Miyagui, o vereador emigrou ao Brasil aos 5 anos de idade. “Foi com muito sacrifício que chegamos até aqui, com todos das família puxando enxada e cuidando dos cafezais como colonos”, relembra Okano, narrando de forma tranquila, próprio de quem mora no interior.

Conta que “gostava muito de estudar” e por isso, todos da família juntaram esforços para que se formasse em Medicina, profissão que exerce até hoje.

Em sua saudação, lembra que o reconhecimento em relação aos imigrantes japoneses nem sempre foi assim e, reivindica, “pelo que nos fizeram durante a Segunda Guerra ainda o governo japonês nos deve um pedido de perdão”.

Relembra: “fomos obrigados a portar salvo conduto e toda vez que andava de ônibus era obrigado a ir para o “fundão”, era muito humilhante principalmente para quem nada tinha feito de mal para este país. Muito pelo contrário, fazíamos parte de uma comunidade muito laboriosa que, juntamente com os outros, ajudamos muito o Brasil”.

“Eu me orgulho muito de ser japonês”, continua o vereador, destacando que o “Brasil deve levar em consideração a nossa ajuda”, embora considere que “este número crescente de políticos sendo eleitos pelo voto popular, seja uma forma de reconhecimento e de valorização desse trabalho”.

Todos os homenageados receberam o diploma de Honra ao Mérito e, depois da foto oficial, a confraternização foi realizada no hall da entidade, no andar térreo, proporcionando um amplo espaço para o serviço de bufê e circulação dos participantes.

{gallery}noticias/2017/Marco/politicos::::2{/gallery}

Confira o calendário de eventos completo